Na véspera do jogo contra o Ceará, o técnico Renato Gaúcho voltou a falar em reforços para o elenco do Atlético. Na visão do comandante rubro-negro, o grupo está muito reduzido e é necessário que cheguem mais atletas de qualidade. Ele disse ainda que vem conversando com o diretor de futebol do Furacão, Alfredo Ibiapina, e com o presidente, Marcos Malucelli, para tratar da contratação de mais jogadores para a sequência do Campeonato Brasileiro.

“Nosso grupo está muito reduzido. Não adianta ir atrás de dois, três jogadores para uma só posição. Todo bom jogador que puder vir para o Atlético será bem-vindo, independente da posição. É o caso do Rodriguinho. Mas eu continuo insistindo naquele matador, aquele homem de área, porque hoje só temos o Santiago e é muito pouco”, disse Renato Gaúcho.

O treinador fala das dificuldades de disputar o Brasileirão, um campeonato longo e que você acaba perdendo muitos jogadores por lesão e outros por suspensão. “Agora, por exemplo, nós temos três, quatro jogadores no departamento médico. Estamos treinando com 20 jogadores e isso é muito pouco. Nós continuamos indo atrás desse matador que eu venho falando. Temos muito problemas e é preciso a contratação de mais atletas para que a gente tenha um elenco mais forte.”, completou.

Gustavo Lazzaretti, uma grata surpresa

No último jogo do Furacão, o zagueiro Manoel acabou vetado pelo departamento médico e foi substituído por Gustavo Lazzaretti, que voltou a vestir a camisa rubro-negra depois de uma temporada noSharjah Sports, clube dos Emirados Árabes. A atuação de Gustavo agradou o técnico Renato Gaúcho e ele será mantido no time do Atlético para a partida de amanhã, contra o Ceará, a partir das 21h, no estádio Presidente Vargas, já que Manoel nem viajou para Fortaleza, pois ainda está machucado.

“Se está no grupo e é da posição, pode jogar. O Gustavo foi muito bem”, afirmou Renato Gaúcho. “A gente vai evoluindo a cada jogo. Eu vou tentar crescer a cada partida, melhorar meu condicionamento físico, pegar ritmo de jogo, porque eu estava em um campeonato com um nível de competitividade muito menor. Eu espero continuar jogando com essa ausência do Manoel”, completou Gustavo Lazzaretti.

Treinamento

Renato Gaúcho comandou um treinamento na tarde desta quarta-feira, em Fortaleza, o último antes do jogo contra o Vozão, mas faz mistério em torno da escalação do Atlético. Mas ele deve repetir a mesma formação utilizada na vitória por 2 a 1 em cima do Botafogo, no último sábado, mandando à campo Renan Rocha; Edílson, Gustavo Lazzaretti, Fabrício e Paulinho; Deivid, Cléber Santana, Kléberson e Marcinho; Madson e Santiago García.