Por Guilherme Coimbra com informações de Osmar Antônio

Yan Sasse teve oportunidades na equipe principal em 2016 (Osmar Antônio/Banda B)

Eles são presenças constantes no time de Carpegiani. Seja nos treinamentos, nas relações e até mesmo no time titular, os pratas da casa desempenham função importante no Coritiba. E oportunidades não faltam e não irão faltar. No meio dos profissionais, eles estão conquistando aos poucos o espaço, adquirindo experiência e amadurecimento. Na pré-temporada em Foz do Iguaçu, celebram o momento de aprender e a chance de buscarem espaço no Campeonato Paranaense, que começa no próximo dia 29.

Titular na reta final do último Campeonato Brasileiro, Yan Sasse acredita que continuará tendo chances em 2017. “Tenho certeza que o professor vai dar oportunidade para todos que estão aqui. Chegou bastante gente também para ajudar, acho que vai ser um time bem misto, com algum garotos da base, profissionais que estão há mais tempo e outros que chegaram”, disse.

Recém promovido da base, o meia Kady espera que o Estadual sirva como vitrine para a manutenção na equipe profissional. “O Paranaense é a minha grande oportunidade, onde tenho que mostrar meu futebol, mostrar do que eu sou capaz para que eu possa me manter para o brasileiro”, afirmou. “Eu subi agora e tenho que me manter aqui. Estou sendo observado em todos os momentos e o Campeonato Paranaense serve para isso, para se acostumar com o time profissional e com a torcida”, completou.

E quem pensa que a sombra das contratações assusta os mais jovens, está enganado. A convivência com os mais experientes trouxe aprendizado, conselhos e também a confiança para abraçarem as oportunidades. O meia Kady destacou a convivência com os profissionais como importante para o amadurecimento.“Os mais velhos sempre me abraçaram. O Kleber e o Edinho sempre me chamam de lado e me dão conselhos muito importantes. Eu, como sou novo, às vezes sou inocente das coisas. Então eles me ajudam tanto dentro quando fora de campo”, explicou.

Com a experiência adquirida no ano passado, Yan Sasse espera manter a sequência para continuar mostrando serviço. “Acho que ele [Paulo César Carpegiano] tem confiança em todos. Confia em mim também, me deu oportunidade ano passado de estrear e terminar o ano jogando, mas todos aqui tem chances de jogar. Então vou buscar meu espaço e procurar a titularidade”, destacou. “Tem que ter a sequência. Tendo sequência o jogador vai adquirindo a confiança e vai mantendo. O essencial de tudo é ter a confiança”, finalizou.