Emprestado pelo Santos ao Atlético até o fim da temporada, o meia Madson não pode enfrentar o Peixe neste domingo, a partir das 18h30, na Arena da Baixada, por conta de uma cláusula em seu contrato. Como estava pendurado com dois cartões, o jogador forçou o terceiro amarelo na derrota de ontem por 2 a 1 para o Ceará, já que teria que ficar de fora do jogo contra o Santos de qualquer forma, zerando o número de cartões para a sequência do Brasileirão.

Outro jogador que está fora da partida contra o Peixe é o zagueiro Gustavo, que acabou expulso no jogo desta quinta-feira, contra o Ceará. O técnico Renato Gaúcho aguarda um parecer do departamento médico do Atlético para saber se poderá ou não contar com o titular Manoel, que aí voltaria naturalmente ao time rubro-negro. Caso Manoel não se recupere à tempo da lesão muscular que vem tratando, Renato Gaúcho tem à disposição os zagueiros Rafael Santos e Bruno Costa, ambos canhotos como Fabrício.

O treinador aguarda também pela recuperação do meia Paulo Baier, que tem chances de voltar aos gramados no jogo contra o Santos. O lateral direito Wendel, o volante Paulo Roberto e os atacantes Guerrón e Nieto devem ficar de fora de mais uma partida do Furacão. O atacante Rodriguinho, que ontem estreou com a camisa rubro-negra, pode ser titular diante do Peixe justamente porque Madson está fora deste importante duelo.

A delegação atleticana já retornou para Curitiba e os jogadores realizaram apenas um trabalho regenerativo, na tarde desta sexta-feira, no CT do Caju. Amanhã, Renato Gaúcho comanda o último treino do Furacão antes da partida contra o Peixe, mas a confirmação do time que vai a campo só acontece momentos antes do início do confronto deste domingo. O Atlético precisa vencer o Santos para tentar deixar a lanterna do Campeonato Brasileiro e dar mais um passo na luta contra o rebaixamento.