Redação com Portal Terra

O atacante Alexandre Pato foi apresentado na tarde desta terça-feira (18) pelo São Paulo, mas o assunto principal ainda foi o Corinthians. Mais precisamente sobre o que deu errado nessa passagem pelo rival. A justificativa passou pela falta de sequência como titular da equipe, o que aconteceu tanto com Tite em 2013 como com Mano Menezes no começo da atual temporada. Ele não citou nominalmente os técnicos, mas a crítica indireta ficou clara.

(Foto: Divulgação/SPFC)

Pato espera recuperar o bom futebol e ter sequência no Tricolor (Foto: Divulgação/SPFC)

“Eu tive oportunidade de vir para o Brasil, fui para o Corinthians e ele me recuperou. Não tive a sequência que gostaria de ter. No tempo que eu joguei, sempre tentei mostrar meu melhor, acabei fazendo 17 gols, sendo o artilheiro do Corinthians por tempo jogado. Sempre trabalhei e dei o meu melhor. Não tive a sequência que queria ter tido”, disse.

A média citada, no entanto, nunca garantiu a Pato a titularidade absoluta no Timão. Em 2013, seus dois melhores momentos foram abortados por uma lesão e por uma convocação inesperada para a Seleção Brasileira. Com Mano Menezes em 2014, a sequência veio apenas no banco de reservas.

Agora no São Paulo, ele quer um caminho diferente. “Eu agora sou jogador do São Paulo e não vejo a hora de trabalhar, mostrar meu valor dentro de campo. Cada treino é um jogo, não vejo a hora de jogar. Vou trabalhar muito duro, quero fazer muitos gols”, disse o jogador, que mostrou desconforto com a sequência de perguntas sobre o ex-clube.

Apesar de apresentado, Pato só pode estrear pelo São Paulo em março, pela Copa do Brasil. O jogador está impedido de disputar o Campeonato Paulista por ter excedido o número limite de partidas pela competição.