Entre o discurso de confiança e motivação, o novo técnico do Paraná, Ricardo Pinto, deixa escapar seu lado exigeten, na parte física. Desde que foi apresentado na tarde desta segunda-feira, o técnico já esclareceu que vai puxar os treinamentos na Vila Capanema, para tentar recuperar a parte física do Tricolor, que ainda não venceu na temporada.

Prova disso é o treinamento tático que Pinto deve ministrar nesta quarta-feira, dia da partida de volta do Paraná contra o Gurupi-TO, pela Copa do Brasil. “A gente já teve tempo suficiente pra encontrar o que acha melhor para o momento, esse processo foi acelerado. Temos treinado sempre que temos condição e o contato tá sendo muito direto”, garantiu o treinador.

O time que deve entrar em campo para o confronto com o time de Tocantins deve ser formado por Thiago Rodrigues; Paulo Henrique, Rafael Vaz, Rodrigo Defendi e Henrique; Anderson, que entra para substituir Serginho, Luiz Camargo, Douglas Packer, Diego; Kelvin e Renato.

BID
O volante Anderson teve seu nome publicado no Boletim Eletrônico Diário (BID) da CBF no fim da tarde desta terça-feira (22), mas o Paraná ainda aguarda o registro do zagueiro Luciano Castán, que, como Anderson foi apresentado hoje e está entre os relacionados para o jogo desta quarta-feira (22). Léo, Lima e Luciano também só poderão estreiar com a camisa do Tricolor depois de serem devidamente registrados junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Baixas
O meia Chimba e o atacante Douglas não pertencem mais ao elenco Tricolor. Os jogadores fizeram um acerto com a diretoria e se desligaram do Paraná. Davis e Néverton voltaram para as categorias de base do clube e também não atuam mais pelo time principal.