Além de estar na zona de rebaixamento do Campeonato Paranaense, o Tricolor ainda vem enfrentando um grave problema com o seu setor defensivo, um dos piores de todo o estadual. Em 18 jogos, o Paraná já sofreu 41 gols, média de 2,2 gols por partida.

Desses 41 gols sofridos, 16 se originaram em lances de bola parada, ou seja, 39% de todos os gols que o Tricolor levou em 2011 foram de cobranças de falta ou escanteios. A bola parada de fato tem sido um desafio para o técnico Ricardo Pinto, que insistentemente vem treinando esse fundamento para que a equipe não sofra mais gols dessa maneira.