Das 28 partidas que o Atlético disputou em 2011, o lateral-esquerdo Paulino esteve em campo em 23 oportunidades e já marcou três gols com a camisa rubro-negra. Mais uma vez, o jogador está entre os titulares que enfrentam o Vasco e que, São Januário, buscam a vitória no estádio do time carioca e uma classificação inédita às semifinais da Copa do Brasil.

Paulinho destaca que os erros que aconteceram na Arena da Baixada, na última quarta-feira, não podem mais acontecer. Ainda assim, o lateral aponta que o time soube atacar em casa, não sendo objetivo nas finalizações. A falta de capricho custou o empate em casa com o time vascaíno, mas não deve comprometer a atuação rubro-negra no Rio de Janeiro. “Vai ser um jogo bom, de decisão para as duas equipes. Vamos com força máxima”, garante Paulinho.

A classificação para a próxima fase da Copa do Brasil representa a esperança de dar a volta por cima na temporada marcada pela instabilidade no Atlético. “Não adianta ganhar essa partida e perder a próxima pro São Paulo ou Avaí. a gente tem que buscar ser campeão, pra aí salvar o semestre”, aponta o lateral, que é incisivo ao dizer que o time não tem mais tempo para testes.