A semana começa melancólica para o Paraná Clube, rebaixado para a Série Prata do Campeonato Paranaense no último sábado. Jovem, o time comandado por Ricardo Pinto vem sentindo na pele a responsabilidade de devolver o time á boa fase. Muito cobrado, o time agora passou também a cobrar. Para o volante Luiz Camargo o time precisa de experiência, materializada em jogadores com mais vivência no futebol.

Com 23 anos, o jogador é um dos que mais atuou pelo clube e, depois do rebaixamento, cobra da diretoria mais contratações para o grupo tricolor. “Eles cobram, mas temos que ter um respaldo da parte deles também. Nós temos um grupo muito jovem”, disse o volante, que ressalta a qualidade dos jovens jogadores do clube. “A gente precisa de mais cadência, de mais experiência. E isso, eles ainda não tem”, emendou Camargo.

Outro ponto criticado pelo volante diz respeito ao ambiente de instabilidade do clube, que dispensou jogadores duas vezes na temporada. “Tem que mudar isso, porque se continuar assim, vai ser cada vez pior. Precisa contratar, para podermos fazer o Paraná sair dessa situação”, finalizou.