Depois de conquistar o título da Libertadores da América pelo Santos na última quarta-feira, o atacante Neymar se apresentou ontem na Seleção Brasileira, junto dos meias Elano e Paulo Henrique. Os três agora se juntam ao restante do elenco brasileiro, que dá sequência aos preparativos para a disputa da Copa América da Argentina, entre os dias 01 e 24 de julho.

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, Neymar negou o rótulo de grande estrela da atual Seleção Brasileira e deixou claro que na equipe canarinha ele é apenas mais um jogador como todos os outros. “Essa é a Era da Seleção Brasileira 2011. Todos os jogadores têm o seu valor. Vim aqui para ajudar. Na Seleção, sou mais um. Venho aqui para fazer o mesmo que fiz no Santos. Não vou mudar nada. Quero ser feliz. Não tem preço representar o seu país”, afirmou o jogador.

Apesar de ter apenas 19 anos, Neymar já tem bagagem dentro da Seleção Brasileira. No início do ano, ele conquistou o Campeonato Sul-Americano junto da Seleção Sub-20, sob comando do técnico Ney Franco. E agora vai disputar seu primeiro torneio oficial pela seleção principal e garante que não está nervoso com esta grande oportunidade.

“Já tive muitas experiências apesar da pouca idade. Foi Sub-20, Libertadores, Brasileiro, amistosos da Seleção. Sou um cara que em questão de experiência já sou bem batido. Não vou ter problema para disputar a Copa América. Será a minha primeira competição oficial pela Seleção e estou muito feliz por participar disso tudo”, finalizou Neymar.