Valquir Aureliano
Com discurso de grupo, Renato Gaúcho rejeita divisões entre titulares e reservas no Atlético

Com a eliminação do Atlético na Copa Sul-Americana após perder por 1 a 0 para o Flamengo na Arena da Baixada, ao menos uma das preocupações do técnico Renato Gaúcho parece haver terminado. Mesmo com time misto, o treinador se mostrou apreensivo com uma possível classificação e as consequências dela sobre os rumos do clube no Brasileiro, que agora irá receber atenção máxima. E na base da confiança, o elenco que esteve em campo ganhou pontos com o treinador. “Qualquer um desses jogadores pode jogar contra o Coritiba. não tem reserva, titular, eu confio em todos eles”, garantiu Renato Gaúcho, na tônica de quem acabou redescobrindo o próprio grupo durante a Copa.

Já “livre” do compromisso continental, o Furacão se depara com a descoberta de alguns atletas, que andavam escondidos no banco de reservas do time. “É sempre bom colocar outra equipe em campo pra poder observar outros jogadores”, frisa Gaúcho, que não abriu mão da justificativa para poupar o elenco principal. “O Atlético está em um situação difícil no campeonato e não pode se arriscar”.

No jogo, o Atlético bem que pressionou no primeiro tempo e, pelo que apresentou, até merecia ir para o intervalo à frente nos números. Com a volta dos vestiários, porém, a história mudou e, ainda que o Flamengo estivesse longe de assustar, o domínio já não foi o mesmo. “A gente jogou pra passar, mas nenhum dos dois usou a força máxima”, analisa o técnico, destacando que o cacife do time carioca em utilizar jogadores do grupo titular, como o autor do gol Ronaldinho Gaúcho.

De olho no Coxa

E se a Sul-Americana ficou pra trás, o Atlético tem agora dois dias de preparação para o clássico com o Coritiba, o primeiro da carreira do comandante rubro-negro. “O Coritiba se encontra em situação bem melhor devido ao ótimo trabalho que o Marcelo Oliveira vem fazendo no campeonato”, afirmou, em um discurso de respeito ao rival, décimo colocado do Brasileiro.Coritiba e Atlético se enfrentam às 18h deste sábado (27), com transmissão ao vivo da Rádio Banda B e narração de Fernando César.