Por João Pedro Alves

No embarque da delegação do Atlético para a Bolívia para a partida da noite desta terça-feira (8) contra o The Strongest pela Copa Libertadores, a ausência de Douglas Coutinho chamou a atenção. Antes titular, nem no banco ele ficará no estádio Hernando Siles, em La Paz. O motivo para a não convocação do atacante para a decisão foi confirmada pelo clube: uma lesão, sofrida no último treinamento em Curitiba.

(Foto: Divulgação/Atlético)

Lesão afasta Coutinho dos treinos por duas semanas (Foto: Divulgação/Atlético)

Titular nas últimas rodadas da Libertadores, Coutinho vivia a expectativa de começar jogando novamente diante do The Strongest nestas quase duas semanas de preparação. Mas no último sábado (5), no treinamento que encerrou os trabalhos no CT do Caju, ele acabou sofrendo uma entorse no tornozelo direito que o tirou da partida.

“O Douglas Coutinho teve uma entorse no último treinamento antes da viagem para a Bolívia (que aconteceu no último domingo). Ele iniciou imediatamente o tratamento aqui no CT”, explicou o Dr. Diego Maziel, médico do clube rubro-negro. De acordo com a avaliação do departamento médico, o prata da casa terá que ficar duas semanas afastado dos treinos para se recuperar da lesão.

Ou seja, o atacante terá que torcer muito para os companheiros para que sua primeira Libertadores não acabe prematuramente, já na fase de grupos. Para o Atlético se classificar para as oitavas de final, tem a vantagem de poder até empatar com o The Strongest na partida que tem início às 19h45 desta terça-feira em La Paz.