Além de reforçar o elenco paranista para a sequência da Série B, a diretoria do Tricolor está fazendo também alguns ajustes no atual grupo. Alguns atletas devem deixar o Paraná ainda nos próximos dias, de acordo com informações apuradas pela reportagem da rádio Banda B.

O atacante Léo está passando por um grave problema em sua família e deve voltar ao Internacional. O jogador gostaria de ficar no Paraná, mas acredita que neste momento difícil seria importante estar ao lado de seus familiares, que moram em Porto Alegre. Léo pertence ao Colorado e está apenas emprestado ao Tricolor até o fim da temporada. A diretoria paranista entendeu as dificuldades que o atleta vêm enfrentando e deve liberá-lo para voltar ao Inter.

O volante Luiz Camargo, antigamente capitão do Tricolor e titular absoluto, perdeu espaço na equipe com a chegada de Cambará, Junior Urso e Éverton Garroni. Camargo pediu à diretoria para jogar no exterior e o futuro do jogador deve ser definido nos próximos dias. Os dirigentes querem ainda emprestar ou vende aqueles atletas que não estão com a cabeça no Paraná, caso do meia Dieguinho, revelado nas categorias de base do Tricolor, e que deve ser emprestado à outra equipe.

O Paraná é atualmente o 3º colocado da Série B, com 24 pontos em 14 rodadas. A equipe enfrenta o Grêmio Barueri nesta sexta-feira, a partir das 21h, na Vila Capanema, precisando dos três pontos para se manter no G4 da competição. No duelo desta noite, o técnico Roberto Fonseca ainda não poderá contar com o atacante Hernane, recém-contratado. Ele já teve seu nome publicado no BID da CBF, mas precisa aperfeiçoar a parte física e estará à disposição para o jogo da semana que vem, contra o ABC.