Por conta de uma lesão na perna direita, o meia Kaká deve ficar de fora dos próximos amistosos da Seleção Brasileira, dia 10 de novembro, contra o Gabão, e dia 14 de novembro, contra o Egito. A notícia foi divulgada pelo técnico do Real Madrid, José Mourinho, que disse que o jogador ficará na Espanha para se tratar desta lesão.

A CBF só deve se pronunciar nos próximos dias, mas o médico da Seleção, dr. José Luiz Runco, disse que ainda não recebeu nenhum comunicado do departamento médico do Real Madrid informando sobre a lesão do jogador. Enquanto isso, a posição oficial da CBF é que Kaká segue convocado para as partidas contra Gabão e Egito.

O meia se machucou há uma semana, na partida contra oReal Sociedad, pelo Campeonato Espanhol, e ficou de fora do jogo contra o Lyon, na última quarta-feira, pela Champions League.

Longe da Seleção Brasileira desde a eliminação na Copa do Mundo de 2010, Kaká foi a grande sensação da última lista de convocados do técnico Mano Menezes. O treinador chamou o atleta pela primeira vez desde que assumiu a equipe verde e amarela, mas o retorno de Kaká à Seleção terá que ser adiado por conta desta lesão.