Portal Terra

Depois de Diego Costa, mais um brasileiro pode seguir o caminho de defender outra seleção europeia. Desta vez, trata-se do volante Romulo, do Hellas Verona. Nesta sexta-feira, o treinador da seleção italiana, Cesare Prandelli, convocou 42 jogadores para um período de testes em Coverciano, e, além de atletas mais conhecidos, como Buffon, Pirlo e Balotelli, chamou nomes menos comuns, dentre eles o do brasileiro.

A sessão de exames terá como objetivo avaliar a forma física dos jogadores que poderão ser aproveitados pelo comandante da Itália nos próximos meses. Ela acontecerá entre a próxima segunda e terça-feira, sendo que apenas metade do grupo trabalhará em cada dia. No primeiro (14), trabalhará a maior parte do elenco; Já no segundo (15), apenas atletas que atuam por Juventus, Milan e Udinese, equipes com o maior número de convocados.

Uma das grandes novidades da lista divulgada por Prandelli, o volante Romulo é titular absoluto do Hellas Verona, tem 26 anos e é um dos destaques da excelente campanha realizada pela equipe no Campeonato Italiano. Neste momento, após 32 rodadas, o time do brasileiro ocupa a oitava colocação e segue vivo na disputa por uma vaga para a próxima Liga Europa.

Já se cogitava um possível chamado de Romulo por Cesare Prandelli há algum tempo, principalmente pela escassez de opções que o treinador possui para esta posição. As melhores (Pirlo, Montolivo, Thiago Motta e De Rossi) já possuem idade avançada e podem não seguir mais na seleção durante o próximo ciclo. Além disso, o brasileiro, que teve passagens por Santo André, Cruzeiro e Atlético-PR, já atuou como lateral na Fiorentina, o que pode ajudá-lo a cavar um espaço no elenco da Itália.

Além de Romulo, as principais surpresas da lista divulgada por Prandelli foram o atacante Berardi, do Sassuolo, chamado pela primeira vez, e o meia Bernadeschi, do Crotone, time da segunda divisão italiana. O experiente Antonio Cassano, do Parma, foi lembrado após quase dois anos, e os atacantes El Shaarawy e Giuseppe Rossi, que se recuperaram de lesões, também foram convocados. Por outro lado, outro brasileiro que tinha chances de ser chamado, o volante Jorginho, do Napoli, foi esquecido.