Entre titulares e reservas, o Coritiba pode se orgulhar de ter em campo jogadores que entram, chamam a responsabilidade e se destacam no grupo, mesmo não jogando todas as partidas. Com 60 gols na temporada, o time de Marcelo Oliveira ostenta o posto de melhor ataque do Brasil e entre os 22 jogadores do elenco, 14 já balançaram as redes.

Reflexo de um time coeso, bem entrosado e que trabalhou firme na pré-temporada. O lateral-esquerdo Eltinho é um dos atletas que está vetado pelo departamento médico e garante que a qualidade do time dá tranquilidade para se recuperar.

“Todo mundo que entrou deu conta do recado, o grupo é bastante qualificado. o Coxa conseguiu trazer grandes jogadores e agora tá colhendo os frutos. A gente vinha numa crescente e três semanas parado a gente acaba perdendo um pouco da parte física. Mas agora a gente tem a semana inteira pra trabalhar e se condicionar”, disse Eltinho.

Um dos destaques no ataque coxa-branca, Anderson Aquino, é um bom exemplo de como a qualidade do time não se restringe aos titulares. O atacante que, no início, entrou no lugar de Bill, acabou fazendo boas apresentações e colocando uma dúvida boa na cabeça do técnico Marcelo Oliveira. Atualmente, Aquino está em campo com a responsabilidade de substituir um dos artilheiros do time, Marcos Aurélio.

“Eu venho trabalhando forte desde a pré-temporada e aos poucos vou ganhando a confiança do Marcelo, da torcida e do grupo. Agora eu quero fazer história aqui, o que ficou pra trás é história. espero fazer mais e cada vez ser ídolo da torcida”, declarou Aquino, que já jogou pelo Atlético e pelo Paraná.