O técnico Geninho comandou hoje à tarde seu primeiro treinamento nessa volta ao Atlético. E logo na primeira atividade com o grupo, ele modificou o esquema tático da equipe, passando do 4-4-2 para o 3-5-2. O sistema defensivo tem sido o grande problema do Furacão nesta temporada e o rubro-negro possui atualmente a segunda zaga mais vazada do Paranaense.

Para formar o trio de zaga, Geninho puxou Fransérgio para a defesa, jogando ao lado de Rafael Santos e Manoel. Paulo Baier segue no Departamento Médico e o recém-contratado Héverton treinou entre os titulares no meio-campo. Branquinho não foi a campo treinar, o que levantou suspeita de que ele poderia estar indo para o Atlético-GO em troca do volante Robstón, mas na verdade ele passou a tarde no DM.

Guerrón e Marcos Pimentel, suspensos, não podem enfrentar o Rio Branco no domingo, em partida válida pela última rodada do primeiro turno do estadual. A formação testada hoje por Geninho foi a seguinte: Sílvio; Manoel, Fransérgio e Rafael Santos; Kleberson, Alê, Héverton, Madson e Paulinho; Wescley e Lucas.

Apresentação

Após o treinamento, realizado debaixo de muita chuva, Geninho foi apresentado oficialmente à imprensa e falou sobre sua terceira passagem pelo Atlético. “É sempre uma alegria muito grande voltar ao Atlético.Eu senti no grupo uma vontade muito grande de trabalhar e reverter essa situção”, disse.