Os funcionários do Centro de Treinamento Ninho da Gralha entraram em greve nesta quinta-feira (10), depois de reivindicarem três meses de salário atrasado. O Centro de Treinamento e as categorias de base do clube são administrados pela parceria entre o Paraná e a empresa Bom Atleta Sociedade Empresarial (BASE).

As despesas são divididas entre clube e empresa, que fica responsável por fazer o pagamento dos funcionários do CT e está em débito nos vencimentos. Já o Paraná arca com os gastos de manutenção, compra de materiais e alimentação.

Enquanto o presidente Aquilino Romani não quis se pronunciar sobre o assunto, a administração da BASE reconheceu os problemas com pagamento e prometeu pagar ao menos uma parcela da dívida até esta sexta-feira (11).