O Beira-Rio vai receber, neste domingo, o jogo entre os dois melhores ataques do Campeonato Brasileiro deste domingo. Internacional e Coritiba se enfrentam a partir das 18h, e mesmo com o Colorado atuando em casa, o técnico Dorival Júnior pede cuidado extra a seus jogadores para barrar as rápidas jogadas de ataque do Verdão.

“Será de muitos cuidados, acima de tudo. De repente, com muitos gols, mas basicamente com muitos cuidados. São dois ataques muito fortes. O Coritiba tem um conjunto muito bom, e o Internacional também. Temos muitos ingredientes para uma grande partida. É por isso que peço ao torcedor paciência. Será um jogo muito equilibrado”, afirmou o treinador Colorado, que passou pelo Coritiba em 2008 e conhece alguns jogadores do atual elenco alviverde.

Perto da zona de classificação para a Libertadores e vindo de duas vitórias seguidas, Dorival Júnior quer controlar a empolgação da torcida porque sabe que vencer o Coritiba não vai ser nada fácil. “O Coritiba vem numa evolução dentro do campeonato, fez um primeiro semestre brilhante, é a equipe que mais fez gols ao longo do ano no futebol brasileiro. É muito equilibrada. Tem um conjunto muito forte. Será um jogo de alto risco”, completou.

Para o comandante gaúcho, o apoio da torcida no Beira-Rio vai ser fundamental para que o Inter conquiste mais três pontos no Brasileirão. “Temos que ter cautela, contar com o apoio do nosso torcedor. Que tenha paciência, que jogue com nossa equipe, porque será um jogo dos mais complicados, no nível daqueles contra Botafogo e Flamengo”, finalizou Dorival Júnior.

O treinador ainda não confirmou a escalação do Colorado e mantém uma dúvida na equipe: Dellatorre, Jô e Ricardo Goulart disputam uma vaga no ataque para substituir D’Alessandro, que está suspenso. O Inter deve ir a campo com Muriel, Nei, Rodrigo Moledo, Juan e Kleber; Elton, Guiñazu, Andrezinho e Oscar; Dellatorre (Jô) e Leandro Damião.