Futebol é uma caixinha de surpresas e no caso do Atlético Paranaense este ditado vem sendo levado ao pé da letra no Campeonato Brasileiro da Série B deste ano. Há quatro rodadas, o Furacão vencia o Vitória fora de casa e parecia iniciar com certa tranqulidade a caminhada rumo à elite, entretanto, um empate contra o Guarani em casa e um triunfo do São Caetano contra o rubro-negro baiano na rodada seguinte, a 33° do campeonato, impediram que o Furacão abrisse distância.

No amanhecer desta quarta-feira (7) a história é quase a mesma, os protagonistas também, só mudaram os coadjuvantes. Na rodada de ontem (6), a 35° da Série B, o Atlético vinha de uma imponente vitória contra o São Caetano e tinha como adversário o já “eliminado” América de Natal. Já o Azulão enfrentava nada mais nada menos que o vice-líder Criciúma, fora de casa. Diferente do que se poderia imaginar, o Furacão tropeçou e empatou com o time nordestino no Eco Estádio durante a tarde e, para piorar, de noite o São Caetano aplicou um 2 a 0 com propriedade no Tigre catarinense.

A situação se complicou mais ainda já quase no início da madrugada, quando o Vitória, que vinha de duas derrotas, voltou a vencer. Enfrentou o América Mineiro em casa e ganhou por 5 a 3, complicando a vida do Furacão. Em outro jogo importante na disputa pelo acesso, o praticamente garantido Goiás chegou aos 71 pontos ao empatar fora de casa com o Boa Esporte.

Classificação

Com os resultados da 35° rodada são três vagas para quatro times; Atlético, São Caetano, Vitória e Criciúma. Tudo pode acontecer nas três rodadas restantes. A tabela do São Caetano não é tão fácil, mas é a menos complicada, por ter dois jogos em casa. Vitória, Atlético e Criciúma jogarão duas fora de casa. A partida do Furacão em Curitiba será o clássico contra o Paraná Clube, na última rodada. Para deixar ainda mais emocionante, na penúltima rodada Atlético e o Tigre catarinense jogam em Criciúma.

A classificação de momento é a seguinte:

1-Goiás: 71
2- Vitória: 69
3-Criciúma: 68
4-Atlético Paranaense: 66
5-São Caetano: 64

Confira os próximos jogos das equipes que lutam pelo acesso:

VITÓRIA

Rodada 36 – Guarantinguetá X Vitória (Sábado, 10 de novembro)
Guará ainda está na luta contra o rebaixamento e a partida não será fácil para o Vitória, até pela reação da equipe paulista nas últimas rodadas.

Rodada 37- Joinville X Vitória (Sábado, 17 de novembro)
Mais uma pedreira para a equipe baiana. O JEC tem remotas chances de subir, tanto que nem foi colocado nesta análise, mas certamente irá a campo para vencer e somar pontos na belíssima campanha na Série B deste ano.

Rodada 38 – Vitória X Ceará (Sábado, 24 de novembro)
Embora o Ceará já esteja pensando na temporada do ano que vem, é uma equipe que alternou altos e baixos e em alguns momentos fez excelentes partidas no campeonato. Será um jogo difícil e, dependendo dos resultados anteriores, o fator nervosismo pode pesar.

Comparação aos adversários:Leva a melhor no número de vitórias contra o São Caetano, tem saldo semelhante ao do Criciúma, mas perde neste critério para o Atlético. Contra os três adversários, em caso de empate no número de pontos, perde para um e pode ganhar dos outros três.

CRICIÚMA

Rodada 36 – América RN X Criciúma (Sábado, 10 de novembro)
Assim como fez contra o Atlético na última rodada, o técnico Roberto Fernandes do América prometeu força máxima contra o Criciúma. Apesar disso, é vantagem ao Tigre enfrentar um adversário sem grandes pretensões do que, por exemplo, um Guaratinguetá, como no caso do Vitória.

Rodada 37 – Criciúma X Atlético Paranaense (Sábado, 17 de novembro)
Uma decisão. O que pesa contra o Criciúma são suas últimas apresentações em casa, foram duas derrotas, e o bom retrospecto do Atlético nos últimos jogos fora de casa. Decidir com o apoio da torcida é o fator principal para um possível sucesso do Tigre.

Rodada 38 – Avaí X Criciúma (Sábado, 24 de novembro)
Parada dura para o Criciúma. Certamente o Avaí não vai querer dar ao rival a única vaga na Série A para uma equipe catarinense, já que o Figueirense está praticamente rebaixado à Série B. Criciúma terá que se superar para vencer.

Comparação aos adversários:Leva a melhor no número de vitórias contra o São Caetano, tem saldo semelhante ao do Vitória, mas perde neste critério para o Atlético. Contra os três adversários, em caso de empate no número de pontos, perde para um e pode ganhar dos outros três.

ATLÉTICO PARANAENSE

Rodada 36 – ASA X Atlético (Sexta, 09 de novembro)
O Atlético não pode nem pensar em empatar ou perder este jogo. O ASA já não disputa mais nada, apesar disso joga em casa e deverá receber o famoso apoio da “mala branca”. É jogo fundamental nas pretensões do Furacão.

Rodada 37 – Criciúma X Atlético (Sábado, 17 de novembro)
Pesa a favor do Atlético os últimos sucessos fora de casa e insucessos do adversário em seu domínio. Além disso, em três partidas no ano foram três vitórias do Furacão. Porém, nenhum jogo anterior entre as equipes teve a dimensão de importância que este terá. O estádio certamente estará tomado por torcedores do Tigre, o que pode complicar para o rubro-negro paranaense.

Rodada 38- Atlético X Paraná (Sábado, 24 de novembro)
Mesmo há quatro anos sem perder para o Paraná, clássico é clássico e vice e versa. A equipe Tricolor entrará em campo para dar uma resposta a sua torcida. Será um jogo difícil e decisivo.

Comparação aos adversários: O Atlético leva vantagem no saldo de gols contra Criciúma e Vitória e contra o São Caetano no número de vitórias. Este fator, em caso de mesmo número de pontos, pode ser fundamental na hora de definir quem sobe e quem fica.

SÃO CAETANO

Rodada 36 – São Caetano X Boa Esporte (Sexta, 09 de novembro)
Apesar de não estar matematicamente livre do rebaixamento, só um milagre levaria o Boa à Série C. Desta forma, apenas a famosa mala branca pode “animar” os jogadores do time mineiro. São Caetano é favorito nesta partida.

Rodada 37 – São Caetano X Goiás (Sábado, 17 de novembro)
Na rodada anterior o Goiás enfrenta o rebaixado Barueri em casa e deve confirmar o acesso à Série A e praticamente garantir o título. Portanto, será mais um time que vai querer a tal da mala premiada para fazer frente ao São Caetano. Se o adversário jogar com a mesma pegada, o jogo será equilibrado e complicado para o Azulão.

Rodada 38 – Guarani X São Caetano (Sábado, 24 de novembro)
Além da repetitiva mala branca, a rivalidade paulista pode fazer com que os jogadores do Guarani queiram vencer este jogo. O bugre já “brinca” no campeonato, mas pode querer aprontar frente ao rival.

Comparação aos adversários: Pelo número de vitórias, perde para todos os adversários no critério de desempate, em caso de mesmo número de pontos.