Placar elástico, como pouca gente esperava. O Coritiba aplicou uma goleada histórica sobre o Palmeiras, no Couto Pereira. Cada um dos seis gols marcados no jogo teve um gosto especial para o elenco, questionado pelo jogadores e comandante do time paulista. Os mais de 32 mil torcedores viram, em campo, um time coeso, veloz e envolvente, que não deu espaços para o Porco, encurralado no seu campo de defesa.

Após o jogo, o técnico Marcelo Oliveira não poupou elogios ao grupo coxa-branca, destacando a agressividade do time no ataque e a disciplina na marcação. “Fizemos uma exuberante atuação sob todos os aspectos, marcação, comprometimento, envolvimento, agressividade no ataque”, apontou, ao ressaltar que a melhor maneira de respeito ao adversário é a boa marcação sobre ele.

O comandante alviverde também teceu elogios à união do grupo que, segundo ele, fazem hoje um futebol moderno, envolvente. “A gente não tem só um grupo de bons jogaores, mas que trabalham esxaustivamente em busca de objetivos”, disse o técnico. “Nosso time se notificou pela garra e pelo comprometimento”, destacou.

E a fase alviverde não poderia ter sido comemorada de maneira mais especial: casa cheia, time de encher os olhos e a concretização de um projeto vitorioso. Marcelo Oliveira enfatizou o papel da torcida e direcionou agradecimentos aos 12º jogador do Coxa em campo. “Eu não tenho como deixar de agradecer ao torcedor que acreditou no nosso projeto desde as primeiras vitórias”, finalizou.

Assista à coletiva do técnico Marcelo Oliveira: