Divulgação/CBF
Fred deixa o hotel da concentração brasileira e retorna ao Rio de Janeiro

O atacante Fred é a primeira baixa da Seleção Brasileira para o amistoso desta quarta-feira, contra a Argentina, a partir das 21h50, em Córdoba. Com uma pequena lesão na coxa direita, o atacante do Fluminense foi desconvocado da partida de amanhã, a primeira do Super Clássico das Américas.

Fred realizou uma ressonância magnética na manhã desta terça-feira, na Argentina, e já está retornando ao Brasil agora à tarde, onde se reapresenta ao Fluminense. De acordo com o departamento médico da Seleção Brasileira, a lesão é fácil de ser tratada e o jogador foi desconvocado apenas para evitar um problema ainda maior.

“O Fred fez uma ressonância magnética hoje pela manhã e foi detectato um pequeno edema no músculo adutor da coxa direita. Em virtude dessa lesão, ele foi desconvocado, porque não vai ter condições de enfrentar a Argentina”, explicou o médico da Seleção Brasileira, dr. Rodrigo Lasmar.

O médico disse ainda que há possibilidade até de Fred estar em campo no próximo domingo, quando o Flmuninense enfrenta o Bahia, em Pituaçu.”Essa é uma lesão de recuperação rápida, ele pode até reunir condições de jogar pelo Fluminense no fim de semana. Mas por uma questão de cuidar do jogador, para não por o jogador em risco, optamos por não utilizá-lo no jogo de amanhã”, completou.

Como a partida desta quarta-feira é apenas um amistoso, a comissão técnica optou por liberar Fred, mas se o jogo fosse de suma importância, ele poderia sim ser utilizado.”Se fosse um jogo imprescindível, um jogo de muita importância, a gente correria o risco e utilizaria o jogador. Mas não há essa necessidade de correr o risco de agravar uma lesão que é fácil de ser tratada. O Fred fez um tratamento itensivo ontem e já teve uma melhora, mas não queremos devolver o jogador ao seu clube pior do que quando ele se apresentou”, finalizou Lasmar.

O técnico Mano Menezes não vai convocar nenhum jogador para o lugar de Fred, visando a partida de amanhã. Para o jogo de volta, dia 28 de setembro, em Belém, há possibildade de outro atleta ser relacionado.