A novela sobre a venda dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro 2012-2014 ganhou mais um capítulo nesta quarta-feira. OConselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), órgão que regula esse tipo de negociação, liberou os clubes para negociarem individualmente com a emissora que quiserem.

“Eu preciso saber de fato quais clubes vão fazer parte desse acordo (do Clube dos 13 com a Rede TV!). Não há nenhuma vedação para que os clubes negociem individualmente”, afirmou ao portaliGo procurador-geral do CADE,Gilvandro Araújo.

Essa decisão enfraquece o Clube dos 13, que alegava ter um contrato assinado por seus membros que permitia que a entidade negociasse os direitos de transmissão em nome dos clubes associados ao C13. Pela licitação do Clube dos 13, a Rede TV! foi a vencedora e teria direito DE transmitir o Brasileirão em TV aberta. No entanto, mais de dez equipes preferiram assinar contratos individuais com a Rede Globo.

A Globo segue negociando com outras equipes, inclusive com clubes que antes eram da base aliada do Clube dos 13, como o São Paulo e o Atlético-MG que já cogitam assinar com a emissora carioca. O Coritiba já assinou com a Rede Globo, enquanto o Atlético-PR, que antes estava a favor da Rede TV!, deve assinar com a Globo ainda esta semana.