Além das finais dos estaduais pelo Brasil, o domingo traz uma decisão especial para Operário e Cianorte, que disputam o título de Campeão do Interior do Paranaense 2011 no Germano Kruger. O Leão do Vale saiu vitorioso do primeiro confronto quando venceu o Fantasma por 3 a 0. Como o regulamento não considera o saldo de gols, o time de Ponta Grossa pode vencer por qualquer placar para levar a decisão para os pênaltis.

O técnico do Operário, Amilton Oliveira, promoveu duas mudanças no grupo que entra em campo neste domingo: Vinícius dá lugar a André e o lateral-esquerdo Gilson entra para substituir Rodolfo. A esperança da torcida, que protestou muito na derrota no jogo de ida, está em no lateral Lisa, destaque do time, além do goleiro Ivan, marcado por boas atuações no estadual.

No Cianorte, Ronaldo Bagé já não conta com o meia Thiago Santos, que está de malas prontas para defender o Paraná. Misterioso, o comandante do Leão do Vale cogita modificar o esquema tático do time que joga no 4-4-2 para o 3-5-2, já que vai tranqüilo a Ponta Grossa depois de vencer bem o primeiro confronto.

A partida será apitada por Antônio Denival de Morais, assistido por José Amilton Pontarolo e José Carlos Dias Passos, todos paranaenses.