O bicampeão olímpico Robert Scheidt e o parceiro dele, Bruno Prada, conquistaram hoje (5) a medalha de bronze na classe Star da vela nos Jogos Olímpicos de Londres. Foi a primeira conquista brasileira do dia. A medalha de ouro foi para a Suécia e a de prata, para o Reino Unido.

Scheidt e Prada já venceram várias disputas mundiais. Ambos conquistaram a medalha de prata nas Olimpíadas de Pequim, em 2008.

Nas demais competições, a brasileira Adriana Silva completou hoje a maratona olímpica em 2h33min15s e ficou com a 47ª posição. A marca é quatro minutos superior ao seu melhor tempo, segundo o Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

A medalha de ouro ficou com a etíope Tiki Gilana que completou o percurso em 2h 23min07s estabelecendo novo recorde olímpico para a prova. Disputada em um circuito com três voltas de 12.875 quilômetros, acrescido de um trecho de 3,57 quilômetros no início da prova, o trajeto da maratona olímpica ocorreu nas áreas que são cartões postais de Londres.

Durante a prova os atletas correram em frente ao Palácio de Buckingham, à Catedral de Saint Paul, ao Big Bem. Nos primeiros quilômetros, Adriana manteve um ritmo forte com o pelotão das atletas favoritas.

No boxe feminino, a brasileira Erica Matos foi eliminada pela venezuelana Kharla Magliocco em luta pelas oitavas de final. Erica perdeu por 15 pontos contra 14.