O diretor de futebol do Atlético, Alfredo Ibiapina, ainda está no Rio de Janeiro para trabalhar em cima da contratação do novo técnico do Furacão. Ontem, Ibiapina almoçou e passou a tarde inteira reunido comGerson Oldenburg, empresário do técnico Renato Gaúcho, que pediu demissão do Grêmio na última quarta-feira.

A rádio Banda B entrou em contato comGerson Oldenburg, que disse que se interessou pela proposta do Atlético e que já havia informado o treinador por telefone. Renato Gaúcho chegou apenas ontem à noite no Rio de Janeiro e não deu tempo de se encontrar com Ibiapina e seu empresário, que ficaram conversando até tarde. Em um jantar que será realizado na noite deste sábado, as três partes vão se encontrar e Renato responderá se aceita ou não treinar o Furacão.

Enquanto não acerta com seu novo comandante, Leandro Niehues segue no comando do Atlético. O elenco rubro-negro está de folga neste sábado e se reapresenta amanhã, para dar início aos trabalhos visando o jogo da próxima quarta-feira, contra o Internacional, no Beira-Rio, a partir das 19h30. Para esta partida, o volante Deivid pode voltar ao time titular depois de cumprir suspensão na derrota por 3 a 1 para o Fluminense.

Por outro lado, Leandro Niehues não pode contar com o atacante Guerrón, que está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O atacante Adaílton e o volante Paulo Roberto ainda se recuperam de lesões, e se treinarem com bola nos próximos dias, podem até ficar à disposição do treinador interino. O Furacão segue sem vencer no Campeonato Brasileiro e é o lanterna da competição, com um ponto em sete rodadas.