O Coritiba vem de duas vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro, enquanto o Atlético está há cinco jogos sem derrota na competição. Em boa fase, a dupla Atletiba terá pela frente os dois lanternas do Brasileirão no próximo fim de semana. O Verdão vai até Florianópolis enfrentar o Avaí, na Ressacada, enquanto o Furacão recebe o América-MG, na Arena da Baixada.

Chegada de Givanildo Oliveira motiva os jogadores do América-MG

O Coelho é o último colocado do Brasileirão, com apenas 12 pontos, quatro a menos que o Atlético (primeiro time fora da zona do rebaixamento). Nesta quinta-feira, o América-MG empatou em 1 a 1 com o São Paulo, em casa, e os jogadores estão confiantes que a equipe vai sair dessa situação incômoda, principalmente após a chegada do técnico Givanildo Oliveira, há três rodadas.

“Desde a chegada do Givanildo, ele deu esperança para nós jogadores, e agora é ter paciência e trabalhar. A gente tem que ter fé, tem que trabalhar bastante para sair desta situaçã. Temos mais dois jogos para terminar o turno, dois jogos difíceis, infelizmente estamos na zona de rebaixamento, mas o América tem tudo para sair”, resumiu o volante Amaral.

O América mal vai ter tempo de treinar antes de enfrentar o Furacão. A equipe jogou ontem e ainda terá que viajar à Curitiba antes da partida deste domigo, a partir das 18h, na Arena da Baixada.

Alexandre Gallo deixa o Avaí e interino comanda o time contra o Coxa

Na última quarta-feira, o Avaí perdeu em casa por 2 a 0 para o Vasco e a diretoria optou por demitir o técnico Alexandre Gallo, que ficou apenas 60 dias no clube (13 jogos, três vitórias, três empates e sete derrotas). O Leão é o 19º colocado no Brasileirão, com apenas 13 pontos, e na partida de domingo, contra o Coritiba, será comandado pelo interino Edson Neguinho.

“Para mim, é uma decepção. Projeto no futebol vai até domingo. Mas essas coisas acontecem e tem que levar com naturalidade. E entender que a gente quis fazer o melhor. As pessoas veem exclusivamente os times adversários, e não o seu. Mas não faria nada de diferente se tivesse possiblidade de voltar no tempo”, afirmou Alexandre Gallo, decepcionado com a saída do Avaí.

Neguinho já trabalhou com o elenco catarinense, visando o jogo deste domingo, contra o Coritiba, a partir das 16h, na Ressacada.