A atleta brasileira do remo Kissya Cataldo estava escalada para disputar, na manhã de hoje (4), a final C do remo, que valia a 13ª colocação no skiff simples feminino, mas ficou de fora. Kyssia foi suspensa dos Jogos Olímpicos de Londres por doping, conforme nota divulgada pouco depois pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB). O doping foi constatado em exame pré-competição, realizado no dia 12 de julho no Brasil, pela Federação Internacional de Remo.

Ainda no remo, a dupla formada por Fabiana Beltrame e Luana Bartholo ficou em 13º no double-skiff peso leve. O ouro ficou com a dupla britânica Katherine Copeland/Sophie Hosking, a prata com as chinesas Dongxiang Xu/Wenyi Huang e o bronze com as gregas Christina Giazitzidou e Alexandra Tsiavou.

Também hoje, Fabiana Murer, uma das principais esperanças de medalha do atletismo brasileiro, não conseguiu avançar para a final do salto com vara. Fabiana é campeã mundial, recordista brasileira e sul-americana do salto com vara (4,85 m). Na prova deste sábado, a favorita, a russa Yelena Isinbayeva, classificou-se com facilidade.

O atleta carioca Nilson André, de 26 anos, único brasileiro nas qualificatórias dos 100m rasos, ficou em quinto lugar na sua prova, vencida pelo norte-americano Justin Gatlin, com o tempo de 9s97. Nilson está fora da competição.