Mesmo tendo sofrido o gol de empate no finalzinho do jogo de ontem contra o Bahia, o técnico Adilson Batista ficou satisfeito com o resultado de 1 a 1 fora de casa, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O treinador apontou algumas falhas na atuação da equipe, mas de maneira geral gostou do rendimento do time em Salvador.

“O próprio adversário muda o seu posicionamento para jogar contra o Atlético. Tivemos chances para fazer o segundo gol, mas sempre vem o último passe, aquele para colocar o companheiro na cara do gol e nisso pecamos. Infelizmente não fizemos, mas o resultado foi relativamente bom por ser fora de casa”, avaliou o treinador.

Adilson comentou ainda as substituições que realizou ao longo da partida, tirando o meia Madson e colocando atletas contestados pela torcida, no caso Fransérgio, Gabriel e o meia Pimba: “O Madson não pediu para sair, ele saiu por opção minha, achei que ele não estava cumprindo o que havia pedido.Se você não tiver peças de reposiçãovocê vai lá para baixo e temos que ter paciência para não errar”.

Por fim, o treinador atleticano já projetou o jogo do próximo sábado, contra o Paranavaí, pelo campeonato paranaense.”Preciso ver com o nosso departamento médico para saber com quem podemos contar para sábado. Guerrón e Paulinho estão fora por suspensão e o Paulo(Baier)estáem tratamento. Hoje perdemos mais dois jogadores por contusão(Kleberson e Deivid), portanto, não tenho como definir o time para o jogo de sábado”, disse Adilson Batista.