Do Portal UOL

A médica Myriam Priscilla de Rezende Castro, 34, condenada a seis anos de prisão no regime semiaberto por ter mandado cortar o pênis do ex-noivo, pediu desculpas à vitima. “Eu só tenho a dizer que eu sinto muito por esse meu ex-noivo, espero que ele tenha recuperado a função dele e desejo tudo de bom para ele. Eu falo que desejo para mim o que desejo para ele.” A declaração foi dada durante uma entrevista à TV Alterosa, afiliada do SBT em Belo Horizonte, veiculada nesta quarta-feira (3).

Para ler a matéria completa no Portal UOL clique aqui.