(Foto: Instagram)

 

Neymar foi condenado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, em 2ª instancia, a pagar os honorários do médico Herbert Kramer e suas assistentes pelos serviços prestados no parto de seu filho, Davi Lucca, em 2011.
A Justiça ordenou que R$ 15 mil sejam repartidos entre a assistente de obstetrícia (R$ 10 mil) e a auxiliar de parto (R$ 5 mil), segundo “Uol”.

Já o valor para o médico será conhecido após cálculo pericial. Na ação, o profissional pediu R$ 51 mil. O craque também foi condenado a pagar parte dos honorários processuais.

Para ler a matéria completa no Portal MSN clique aqui.