(Foto: Instagram)

O professor Alessander Mendes, de Teresina (PI), viu seu nome correr o Brasil nos últimos dias por causa de uma atitude que ele considera muito simples: durante uma aula, ele pegou o bebê de uma aluna no colo para que ele não chorasse. “Durante uma hora de aula ele dormiu. Quando ele acordou chorando, ela olhou para mim e falou: ‘O Mateus vai atrapalhar. Vou ter que sair’. E eu disse: ‘Não vai sair não. Me dá o Mateus aqui'”, relata ao E+.

Alessander pegou o bebê no colo e continou a aula normalmente. Um aluno filmou o momento e, naquela noite, enviou o vídeo no grupo do WhatsApp da faculdade. Quando o professor percebeu que a atitude poderia causar um impacto positivo, decidiu publicar o vídeo em sua conta pessoal do Instagram, e outros alunos também compartilharam o momento nas redes sociais.

Enquanto Mendes não quer causar alarde, o vídeo do momento correu a internet e a atitude do professor comoveu muita gente. “A repercussão do caso me causou surpresa, saiu em televisão, jornal… Mas eu vejo isso com muita naturalidade”, disse.

Ele explica que a aluna, Eliana, assitiu às aulas durante toda a gravidez e optou por voltar à universidade assim que pôde, sem tirar a licença-maternidade. “Se ela quisesse deixar de ir às aulas, eu apoiaria desde o início. Mas, se ela quis ir, eu tenho que criar todos os mecanismos para isso”, disse.

Alessander explica que seus 21 anos de experiência no magistério lhe deram experiência suficiente para lidar com uma situação como essa. “O que eu fiz foi aplicar a empatia, endender a outra pessoa, as dificuladades dela”, diz. “Eu acho que o mérito é da aluna. Era ela que estava de licença e mesmo assim assitindo à aula.”

 

Uma aula diferente, participação especial, só o magistério propicia esse aprendizado.

Uma publicação compartilhada por Alessander (@alessander.mendes40) em