Do Portal Extra

Victor com a esposa – reprodução

A Polícia Civil de Minas Gerais indiciou o cantor Victor Chaves, da dupla Victor e Leo, por agressão contra a própria mulher, grávida. Os investigadores concluíram o inquérito e acusaram o músico com base no depoimento da vítima e nas imagens de câmeras de segurança do prédio em que Poliana Bagatini relatou ter recebido chutes do marido, em fevereiro.

“Diante das provas coletadas, a PCMG concluiu pelo indiciamento de Vitor Chaves pela contravenção penal prevista no artigo 21, do Decreto Lei 3.688, vias de fato, conforme demonstrado no laudo pericial das imagens das câmeras de segurança do prédio e pelo depoimento da vítima”, informou a polícia, em nota oficial.

A empresária, que ainda está grávida, prestou queixa contra o marido no fim de fevereiro, relatando à polícia que ele a jogou no chão e a chutou por “motivos fúteis”. No boletim de ocorrência, consta que um segurança e a irmã do marido impediram Poliana de deixar o apartamento onde moravam após a briga, no bairro Luxemburgo, em Belo Horizonte. Ela só teria conseguido deixar o local depois que uma vizinha ouviu os gritos e a ajudou a escapar.

Para ler a matéria completa no Portal Extra clique aqui.