Reprodução

Um homem que tem perseguido a cantora Madonna foi preso pela segunda vez em quatro dias em Nova York nesta terça, 21. Robert Linhart, de 59 anos, foi visto rondando o apartamento da estrela. Ele foi preso depois de colocar um cartaz em seu carro escrito: “Madonna, eu preciso de você. Me diga sim ou não! Se você disser sim, meu sonho vai virar realidade, se você disser não, eu vou embora”

O homem resistiu a prisão e foi preso por portar uma lata de spray para pichação, porte de arma e conduta imprópria. No último sábado, 18, ele foi preso também perto da casa da cantora e algumas das testemunhas foram pessoas da equipe de segurança de Madonna. Segundo a polícia, ele tem cercado a casa da cantora há semanas.