do Purepeople

Antes mesmo do Paredão, Marcos levantou uma série de polêmicas no “BBB17” envolvendo a produção do reality show, como a de que teria recebido um recado externo dizendo que depois “comeria a Vivian”. Após ser emparedado, o cirurgião plástico “surtou”, puxou briga com os brothers, e entregou um assunto que envolvia a vida pessoal de Ilmar. É que durante uma discussão entre os dois, o doutor revelou que a polícia teria batido na porta do game para cobrar de três meses de pensão atrasada ao advogado – acusação essa já negada pelo responsável do sul-matogrossense.

‘POSSO PROCESSAR A REDE GLOBO PELO QUE JÁ ROLOU AQUI’, DISSE O GAÚCHO PARA A SISTER
Mas após o programa ao vivo desta segunda-feira (3), o doutor, que cogitou jogar papel sujo do ex-amigo, comentou com Emilly que o cozinheiro já havia conversado sobre a produção e afirmou que teria sido incentivado a tomar uma posição judicial contra a Rede Globo, emissora que negou que o médico tenha tido qualquer tipo de contato com Boninho durante o confinamento. “Ele veio me dizer que eu posso processar a Rede Globo pelo que já rolou aqui”, confessou ele. Não demorou muito e, assim que Marcos finalizou com a palavra, a câmera com o quarto do Líder, no pay-per-view, foi cortada e os microfones da conversa dele com a ex-namorada também foram desativados.

IEDA SUGERE QUE MARCOS JÁ TENHA AGREDIDO EMILLY: ‘ROXO EMBAIXO DO BRAÇO’
Porém, Marcos e Emilly vivem brigando e, em um dos embates, os dois discutiram aos berros e o cirurgião plástico até colocou o dedo na cara da gaúcha. No mesmo dia, ele repetiu o gesto com Marinalva e, ainda, mandou a paratleta calar a boca. Então, ela questionou se o que havia acontecido entre eles não poderia ser considerada uma agressão. “A Emilly tem que levantar o bracinho e mostrar o roxo embaixo do braço”, afirmou Ieda, sugerindo que a gêmea teria sido agredida pelo doutor.

Para ler mais notícias do BBB, clique aqui