UOL

Malcolm Young, guitarrista, letrista e cofundador da lendária banda australiana AC/DC, e que havia anunciado sua saída do grupo nesta semana, foi internado em uma casa de repouso em Sydney com demência, informou nesta sexta-feira (26) a imprensa local. “Se você está em um quarto com Malcolm, sai um momento e retorna minutos depois, ele já não te reconhece. Perdeu completamente a memória imediata. Sua mulher, Linda, o pôs sob cuidado em período integral”, disse uma fonte próxima à família do músico ao jornal “Sydney Morning Herald”

Leia mais aqui