Reprodução

Fernando Pavão vai encarar o seu primeiro papel épico na TV. O ator será o protagonista da minissérie Sansão e Dalila, da Record. Para isso, ele não economiza dedicação e energia como conta em entrevista ao R7. Essa será a quarta produção da emissora da qual o moço participa. Ele atuou em Caminhos do Coração, Mutantes – Caminhos do Coração e Poder Paralelo.

– É uma oportunidade única, porque é difícil fazer um trabalho desses na televisão.

Para viver Sansão, Fernando não só pesquisa sobre o universo de 1150 a.C., como não poupa esforço físico para ganhar os músculos torneados do personagem, conhecido por sua força, que de acordo com a história bíblica, estava em seus cabelos. Segundo o ator, que deve começar a gravar as primeiras cenas daqui a três semanas, a malhação é intensa.

– Como o diretor João Camargo pediu, preciso ter condicionamento físico, já que vou aparecer andando em dunas e em falésias. Então, diariamente, pedalo, corro ou faço musculação. Às vezes, malho até duas vezes por dia.

Além do treino pesado, que inclui uma dieta alimentar rígida para o suadouro surtir efeito, Pavão assiste à workshops para aprender os trejeitos, o modo de vestir e os costumes da época.

– Isso tudo influencia na qualidade do trabalho. É um universo muito distante do nosso. O povo hebreu nem conhecia a roda. Estou mergulhando de cabeça nessa.

Para não cair no clichê, ele disse que não vai se inspirar em ninguém.

– Vou usar o meu feeling. Acho que é um trabalho sensorial, mas a ambientação com a época nos aproxima daquela realidade. Já participei de exercícios com os integrantes do meu núcleo na trama. Experimentar antes, faz diferença.