Uol

Hugh Grant, Charlie Sheen, Mel Gibson e Lindsay Lohan: todos já foram presos. Imagem: Reprodução/Montagem

Nem só de glamour é vida de estrelas de Hollywood. São comuns os casos de atores e atrizes que acabaram presos após cometerem crimse. São detenções que vão desde o uso de drogas, dirigir embriagado e até flagras de atos sexuais. Foi o que aconteceu há mais de 20 anos com o ator britânico Hugh Grant, detido ao ser flagrado recebendo sexo oral de uma prostituta. Confira essa e outras polêmicas envolvendo astros de cinema:

Lindsay Lohan

A atriz americana Lindsay Lohan coleciona problemas com a Justiça. Estrela de filmes como “Operação Cupido”, “Meninas Malvadas”, “Herbie: Meu Fusca Turbinado” e “Todo Mundo em Pânico 5”, ela foi presa pela primeira vez em 2007 por dirigir sob influência de drogas e portar cocaína. Segundo a rede CNN, a atriz já foi detida seis vezes, incluindo prisões por andar de carro alcoolizada e furtar loja.

Charlie Sheen

O ator Charlie Sheen foi preso no dia 25 dezembro de 2009 em uma estação de esqui de Aspen, no Estado do Colorado, acusado de violência doméstica. Protagonista da série “Two and a Half Men” e de filmes como “Platoon” e “Wall Street – Poder e Cobiça”, Sheen passou parte do dia de Natal daquele ano na cadeia do condado de Pitkin e foi libertado após pagar uma fiança de US$ 8.500.

Imagem: Reprodução

Matthew McConaughey

Ele se envolveu em um episódio polêmico em 1999, quando acabou detido por posse de maconha em Austin, no Texas. Na época, o ator passou nove horas na cadeia e só foi liberado depois de pagar fiança de US$ 1.000. McConaughey, que é casado desde 2012 com a modelo brasileira Camila Alves, atingiu o auge da carreira em 2014, quando ganhou o Oscar de melhor ator por “Clube de Compras Dallas”.

Winona Ryder

Queridinha dos anos 1990 ao estrelar filmes como “Os Fantasmas se Divertem”, “A Época da Inocência” e “Adoráveis Mulheres”, a Winona Ryder foi presa em 2001 por furtar uma loja de roupas em Beverly Hills, na Califórnia. A atriz foi acusada de subtrair objetos de cerca de US$ 4.800, incluindo chapéus, bolsas de mão, tops e acessórios de cabelo.

Confira a lista completa aqui