© Reprodução A atriz confessou ter sofrido de TOC na época em que fazia a novela O Rei do Gado, em 1997

Durante uma palestra na Escola de Psicanálise de São Paulo nesta quinta-feira (3), a atriz Luciana Vedranmini confessou ter sofrido de TOC (Transtorno Obsessivo-Compulsivo). Durante o desabafo, ela confessou que no auge da doença foi a época em que fazia a novela O Rei do Gado, em 1997.

Durante um passeio de bicicleta na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro a doença teria dado seus primeiros sinais graves. A ideia era tomar um ar, mas o passeio não foi nada relaxante.

“Sentia uma eterna insegurança, uma eterna dúvida, então ia lavar as mãos de novo, pela décima vez, para garantir que estavam limpas. Estava consciente de tudo que fazia, mas não tinha controle de nada. Ficava pensando: ‘eu que controlo a minha cabeça ou ela que está me controlando?”, explicou Vendramini.

Com o tempo, os rituais eram tantos que Vendramini disse não ver mais o tempo passar, ficava só administrando as atividades. “E se alguém me impedia eu virava o Thor (personagem do filme Os Vingadores). Precisava fazer aquilo independentemente do tempo”.

“Demorava para me vestir porque tinha muitas manias. Então, comecei a andar só de lençol. Também tinha rituais para me alimentar e, para evitar o estresse, parei de comer. Fiquei 11 dias sem me alimentar, meu pai ameaçou chamar a ambulância e notei como estava fora de controle”. Segundo publicou o ‘Uol, a atriz afirmou que chegou a pesar 39 kg no auge da doença.

Leia mais no MSN, clicando aqui