Da Redação

Para incentivar empresários de micro e pequenas empresas do comércio a pensarem seus empreendimentos de forma estratégica, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná (Sebrae/PR) em conjunto com a Federação do Comércio do Paraná (Fecomércio) criou o Programa VarejoMAIS – Mais Vendas, Mais Competitividade.

hO programa realizado em todo o Paraná desde 2006, já qualificou mais de oito mil empresas e 18 mil empreendedores. Em 2012, cerca de 800 empresas participaram da iniciativa, em 40 cidades paranaenses. “Não é à toa que o nosso índice de falências não passa da metade do índice nacional. Isso é resultado do trabalho permanente realizado pelo VarejoMAIS”, assinala o presidente da Fecomércio, Darci Piana.

Na avaliação do coordenador estadual do Setor de Comércio, Bens e Serviços do Sebrae/PR, Osmar Dalquano Junior, ao buscar qualificação, os empresários ficam mais preparados para enfrentar desafios e identificar oportunidades.

“As pequenas empresas que participam do VarejoMAIS melhoram a gestão empresarial, pois passam a implantar estratégias diferentes, em ações de marketing ou mudança do layout da loja, por exemplo, que resultam no aumento das vendas. Com informações, os empresários têm condições de tomar decisões mais assertivas”, avalia.

Resultados

Quem já passou pelo programa percebe os resultados em pouco tempo revertidos em satisfação dos clientes, funcionários e lucro. “Nossas medidas estratégicas já surtiram efeito, crescemos 60% em relação aos mesmos meses do último ano. Mas não podemos parar por aqui. Até o fim do ano devemos continuar a crescer entre 60% a 70%”, prevê a gerente de marketing da Daju, Juliane Karsten Lorenz.

Completando 30 anos no comércio varejista, a rede curitibana especializada em produtos de cama, mesa, e banho, cortinas, calçados, tapetes, vestuário e presentes inseriu o programa VarejoMAIS, em 2011, durante um ano.

O primeiro passo para dar início as mudanças foi o diagnóstico sobre as fragilidades e as potencialidades do negócio. Após essa avaliação inicial os gestores receberam cursos, orientações e consultorias para desenvolver técnicas que vão auxiliar os serviços e processos, além de aumentar o volume de vendas e a qualidade.

“Nós tínhamos ampliado uma das lojas e estávamos buscando ferramentas para melhorar o processo de transição, pois aumentamos o volume para atender mais. A consultoria do VarejoMAIS nos ajudou a traçar metas e um plano estratégico, além da reformulação da gestão da empresa ”, conta Juliane.