Da Redação

Um novo episódio do imbróglio envolvendo o leilão do terreno do Shopping Total foi divulgado na tarde desta sexta-feira (21) pelo blog da jornalista Mirian Gasparin. De acordo com Gasparin, o leiloeiro Helcio Kronberg deu o nome do grupo comprador do local, no negócio de quinta-feira, e rebateu a versão da atual diretoria do shopping, de que o terreno e o imóvel foram arrematados pela atual direção. Segundo o leiloeiro o comprador não foi Michel Gelhorn, dono do empreendimento, mas sim outra empresa. Segundo a jornalista, a empresa que arrematou o imóvel foi a G2 Consult Assessoria Empresarial Ltda, que tem sede em Santana do Parnaíba (SP), e que foi representada legalmente por Ocimar Lima Duarte, residente no Rio de Janeiro.

A G2 pertence ao empresário Dickson Esteves Tangerino, que, por sua vez, é sócio de outras dez empresas. Entre elas está a Dasa, maior empresa prestadora de serviços de medicina diagnóstica da América Latina, onde ocupa o cargo de diretor-presidente desde abril de 2013.

O imbróglio tomou corpo após a diretoria do Shopping Total informar que  arrematou o terreno onde está alocado o shopping  e com o qual tinha contrato de locação com o Grupo Hermes Macedo. Ainda segundo a nota, a aquisição do imóvel foi realizada em sociedade com um grupo carioca e que a administração do Shopping Total continuará sob responsabilidade da atual diretoria, o que não foi confirmado até o momento pelo novo comprador.

Com isso, segundo a jornalista, das duas uma: ou o Total desocupará o local num prazo de 90 dias ou então poderá fazer um contrato de locação com o novo proprietário.

Mais informações no Blog Mirian Gasparin

Notícias Relacionadas:

Prédio do Shopping Total é vendido em leilão judicial e dono garante que é o comprador