Os efeitos colaterais de quem passa muito tempo assistindo filmes e séries

Assistir à filmes e séries é uma das melhores formas de entretenimento. Prova disso é a quantidade de pessoas que é viciada em ir ao cinema e em serviços de streaming, como o Netflix. Porém, exagerar na dose não é nem um pouco bom. Confira agora os efeitos colaterais de quem passa muito tempo assistindo filmes e séries na frente da televisão.

Obesidade e diabetes

Homem gordo assistindo televisão

O risco óbvio para aqueles que fazem maratonas frequentes de filmes e séries é o aumento no risco de ficar obeso e contrair diabetes como um dos efeitos colaterais. Afinal, a pessoa fica muito tempo sem se movimentar e geralmente o faz com um belo petisco para acompanhar. Os dados não são nada favoráveis para quem exagera na dose.

Segundo uma pesquisa da Universidade de Pittsburgh, cada hora em frente à TV aumenta em 3,4% a chance de desenvolver diabetes do tipo 2. Parece pouco? Agora imagine aquelas pessoas que ficam horas e horas assistindo filmes e séries nessa condição.

Risco de câncer

Menino com um controle na mão assistindo TV

Sim, acredite: exagerar na dose de séries e filmes também aumenta o risco de câncer como um dos efeitos colaterais. Um estudo realizado por aqueles que fazem verdadeiras maratonas comprova que ficar acima de 4 horas pode ser bastante prejudicial para sua saúde.

Passar todo esse tempo em frente da televisão aumenta em 24% o risco de desenvolver câncer de cólon; 32% a chance de desenvolver câncer de endométrio; e 21% o risco de desenvolver câncer de pulmão.

Insônia

Menino deitado na cama assistindo à séries

Essa provavelmente não é novidade para ninguém. Afinal, muitas pessoas que passam horas assistindo séries e filmes geralmente fazem isso de madrugada. E isso pode ser bastante perigoso para a qualidade do seu sono, especialmente se a pessoa trabalha durante o dia. Esse sem dúvida é um dos efeitos colaterais mais perigosos.

O que acaba agravando a situação é a luz fluorescentes azul que é emitida por telas de computadores, tablets, smartphones e TVs. Ela atrapalha na produção da melatonina, hormônio responsável pelo sono. Portanto, se você quer dormir bem, é melhor maneirar nas maratonas. Especialmente nas horas antes de ir dormir.

Depressão e solidão

Moça jovem e depressiva assistindo séries no notebook

Embora muitos assistam à séries e filmes acompanhados de amigos e familiares, exagerar na dose pode prejudicar alguns relacionamentos. Isso acontece porque a superexposição ao mundo fictício de algumas produções causa da sensação de desprendimento do mundo real. O que pode ser um dos efeitos colaterais mais graves.

Isso pode acabar fazendo com que a pessoa não queira viver o aqui e agora. O seu único desejo é acompanhar sua série favorita e devorar muitos filmes. Como consequência, temos casos graves de depressão e solidão.

Contagem de espermatozoides

Casal assistindo séries - efeitos colaterais de maratonas de séries

Essa é um dos efeitos colaterais especialmente perigoso para os homens. De acordo com um estudo realizado em 2013, as maratonas diminuem a contagem de espermatozoides no sêmen. A análise avaliou 100 homens e descobriu que aqueles que passam mais de 20 horas em frente à televisão possuem até 50% menos espermatozoides do que o outro grupo.

Aqueles que praticavam exercício físico regularmente, por outro lado, tinham uma contagem maior do que a média. Portanto, se você está querendo ser papai, é melhor maneirar em suas maratonas de séries e filmes.

Notícias relacionadas

Os comentários estão fechados.