Trabalhadores da cidade de Abatia

A Associação Comitiva Cascudo foi fundada em 15 de julho de 2005, pela Família Cascudo e um grupo de amigos do norte do Paraná. Eram pessoas comuns, a maior parte com a história de vida no campo, alguns já de idade que viveram a maior parte de sua vida em tropeadas, na lida com o gado e com as mulas.
No princípio, eles participavam de cavalgadas na região e promoviam alguns passeios rurais a cavalo. Em 2006 aconteceu algo que incentivou o grupo. A elaboração da Tropeada do Globo Rural, onde um grupo de muladeiros saiu de Viamão no Rio Grande do Sul e chegou em Sorocaba – SP. Isso incendiou o coração do grupo do Norte do Paraná.

Eles Gostariam de fazer algo parecido. Na comemoração do primeiro ano da Associação, onde toda a família e amigos estavam reunidos, surgiu a ideia: fazer uma tropeada, uma Romaria à Aparecida. Em setembro de 2006, com 12 cavaleiros e com a equipe de apoio chefiada por Mauricio Marques e Souza, partiu a primeira viagem. A fé e a manutenção da tradição do tropeirismo eram o combustível. A partir de 2014, com a criação do Projeto Atena, que recebe crianças e adolescentes e prática aulas de equitação e troperismo, passaram a treinar e levar os jovens cavaleiros nas Romarias.

Hoje em dia, o cavaleiro vai até a comitiva em busca de aprendizagem e os alunos para aprender e perpetuar. Uns vão para pedir, outros para agradecer, outros para aprender e a Comitiva Cascudo, ano após ano, é o instrumento que leva e ampara esses romeiros.

A Banda B acompanha o dia a dia desta viagem rumo à aparecida. Neste primeiro vídeo, Carlinhos Cascudo que é integrante da comitiva, apresenta o trabalho da preparação das mulas: Assista.