A forte chuva que caiu sobre Curitiba durante a madrugada desta quinta-feira (12) derrubou parte do telhado da Unidade de Pronto-Atendimento do Tatuquara. De acordo com a prefeitura, calha cedeu e não conteve a água das chuvas, provocando ainda a queda de parte do teto de gesso.

Em entrevista à Banda B, um servidor que preferiu não se identificar informou que a área já estava isolada desde o dia 2. “Era por volta da meia noite quando essa parte abriu e entrou água. Como a UPA estava tranquila, imediatamente o pessoal disponível ficou por ali para tirar a água”, comentou.
Segundo nota da administração municipal, o problema nas calhas da UPA já havia sido identificado e a empresa responsável pela construção pelos trabalhos de manutenção foi acionada para fazer a obra, o que não ocorreu no tempo previsto.

Uma equipe de obras que atende à Secretaria Municipal de Saúde foi acionada reconstituir o dano. As medições foram feitas e a recomposição da calha e do teto de gesso serão executadas a partir desta sexta-feira (13). A área onde ocorreu o alagamento foi isolada para que o atendimento aos pacientes não seja afetado.

A empresa foi notificada e deverá sofrer sanções administrativas. O trabalho emergencial de recomposição da área danificada da UPA do Tatuquara está sendo feito a partir de um contrato próprio de manutenção de instalações da Secretaria Municipal da Saúde.

Assista a vídeo do momento da queda: