Homem apresentava confusão mental. Foto: DM/Banda B

 

Um pedestre com cerca de 55 anos foi atropelado por um trem da empresa de logística Rumo, em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba, na manhã desta quarta-feira (13). Ele caminhava sobre os trilhos e não teria ouvido o som da buzina emitido pelo maquinista do trem. Ele teve ferimentos e foi levado ao Hospital Evangélico.

O atropelamento aconteceu na rua Francisco Krüger, no bairro Cachoeira, próximo a rotatória da rua Alberto Piekas, por volta das 11 horas. O trem seguia sentido terminal e tentou frear, quando notou que o homem não saiu dos trilhos. “Ele estava vindo pela ferrovia, o trem buzinou, ele não escutou, o trem freou, mas não conseguiu parar. Ele estava andando pela linha, ele foi jogado para a fora depois da batida, essa foi a sorte dele”, contou uma testemunha à Banda B, sem se identificar.

A suspeita é que o pedestre não tenha ouvido a buzina. Um comerciante local disse que as pessoas cruzam bastante a linha do trem. “Aqui é comum o pessoal cortar caminho pela linha do trem, é como um atalho sentido Graziela. Volte e meia o trem buzina, mas o senhor aí não ouviu”, disse.

O Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) foi acionado e socorreu o homem. O socorrista De Souza disse o pedestre teve sorte. “Ele tem ferimentos moderados, mas apresenta certa confusão mental, vamos encaminhá-lo ao hospital para fazer uma avaliação neurológica. Por sorte, porque ele poderia ter lesões mais graves”, finalizou.