O muro de uma casa desabou na tarde desta segunda-feira (12) no bairro Capão Raso, em Curitiba. A parede da garagem foi totalmente destruída e uma obra ao lado pode ter ligação a queda. O Corpo de Bombeiros e o Comissão de Segurança de Edificações e Imóveis (Cosedi) já foram ao local e a casa foi parcialmente interditada. Há risco também para trabalhadores, mas com as chuvas, nenhum funcionário estava no local e a equipe técnica da Prefeitura de Curitiba promete retornar.

A casa fica na rua Santa Mônica e as obras de uma escola de educação infantil começaram há cerca de dois meses. A moradora Sirlei Martins disse que, a princípio, a parede passou e ter rachaduras . “O muro começou a trincar, a gente falava pra eles olharem, mas eles disseram que tinham colocado massa e que estava tudo bem. Com a chuva de hoje, o muro primeiro trincou de vez, depois caiu”, disse.

Por pouco, o acidente com o muro não feriu duas pessoas que estavam na garagem, no momento da queda. “Minha nora estava com meu neto na garagem e caiu tudo, em segundos. Ainda bem que estamos todos bem porque só deu tempo de olhar”, contou.

O Corpo de Bombeiros e o Cosedi foram acionados. “Eles queriam interditar toda a nossa casa, mas aí só pediram para a gente usar a outra parte da casa para não ser tão perigoso”, finalizou. Técnicos prometeram retornar no local e avaliar, inclusive, as condições de risco que o local oferece aos operários.

A Prefeitura de Curitiba enviou uma nota sobre o incidente:

A Comissão de Segurança de Edificações e Imóveis (Cosedi), vinculada à Defesa Civil, interditou parcialmente o imóvel Curitiba. Um muro desabou e a garagem localizada na divisa pode vir a desabar. Os moradores foram orientados a acionar a Cosedi, pelo sistema 156, caso percebam alguma alteração ou agravamento da situação caso a chuva persista.

Notícias relacionadas: