Uma cratera se abriu dentro do quintal de uma casa no bairro São Francisco, em Curitiba, na tarde desta segunda-feira (12), durante a chuva. Uma obra ao lado da casa pode ter sido responsável pelo deslizamento de terra, que será analisado urgente pela Comissão de Segurança de Edificações e Imóveis (Cosedi), com pedido prioritário do Corpo de Bombeiros.

A casa fica na rua Alameda Princesa Izabel, ao lado de uma área que está em construção para um prédio residencial. Segundo o Corpo de Bombeiros, há risco iminente de desabamento parcial da residência.

A moradora Maria Cristina de Oliveira Lara disse à Banda B que, desde o início das obras, havia a preocupação. “Já estava me preocupando com essa obra por causa do excesso de terra que eles estavam tirando, mas os responsáveis disseram que não teria problema nenhum. Um engenheiro aqui da obra disse que não teria perigo nenhum porque é uma estrutura com bastante pedra, mas não foi nada disso”, lamentou.

Segundo ela, os deslizamentos de pedra começaram há algumas semanas e se intensificaram com as chuvas. “Hoje começou a desmoronar a parte de pedra, eles voltaram aqui, disseram que estava tudo bem, mas foi só eles viraram às costas que a gente ouviu um barulhão. Quando olhamos, todo o piso começou a ceder”, descreveu.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e o oficial acionou com urgência técnicos da Cosedi. Até a oficialização do caso, os moradores foram orientados a não transitar por algumas áreas da casa.

A Prefeitura de Curitiba também enviou uma nota sobre o incidente:

A Comissão de Segurança de Edificações e Imóveis (Cosedi), vinculada à Defesa Civil, interditou parcialmente o imóvel no bairro São Francisco, há risco de desabamento de uma sala encostada na divisa. Os moradores não precisam deixar as casas. Eles foram orientados a acionar a Cosedi, pelo sistema 156, caso percebam alguma alteração ou agravamento da situação caso a chuva persista.

 

Notícias relacionadas: