Um coletor de lixo de 30 anos foi atropelado pelo próprio caminhão em que trabalhava na manhã desta quarta-feira (6), em Almirante Tamandaré, região metropolitana de Curitiba. Informações iniciais dão conta de que o acidente aconteceu no momento em que ele retornava ao caminhão com sacos de lixos nas mãos. O trabalhador foi identificado apenas como Gilson.

O atropelamento aconteceu na rua Santa Maria, bairro Parque São Jorge. O trabalhador estava com outros colegas quando o acidente aconteceu, mas ninguém passou detalhes aos socorristas por estarem em choque.

A tenente Alice do Corpo de Bombeiros disse à Banda B que a chegada da viatura foi rápida, mas a vítima já estava morta. “É um caminhão de lixo que está aqui e o cidadão foi atropelado pelo caminhão, ainda está preso debaixo. A gente não sabe o que aconteceu, ele é coletor de lixo estava trabalhando. Quando chegamos, infelizmente, a vítima já estava em óbito, o rodado passou por cima dele”, descreveu à Banda B.

Uma testemunha que mora em frente ao local onde o atropelamento aconteceu disse que o acidente foi rápido, no momento em que o motorista do caminhão dava a ré. “Acho que o motorista pensou que todos estavam em cima e deu a ré, não teve como ver, eles não têm visão do que acontece atrás, foi muito trágico. O pessoal ficou apavorado, todo mundo conhece eles, passam aqui toda a semana, foi muito triste”, finalizou. O corpo do trabalhador foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba.

Empresa

Para a Banda B, a empresa Sanetran enviou uma nota lamentando a fatalidade, afirmando que sempre priorizou a formação dos colaboração para evitar incidente. “A empresa está apurando todas as informações pertinentes ao fato, através de uma extensiva investigação interna com objetivo de elucidar a fatalidade ocorrida. Ademais, cumpre ressaltar que a empresa esta comprometida em prestar todos os esclarecimentos necessários às autoridades, bem como conceder todo o suporte e apoio necessário à família da vítima”, finalizou.