Por Elizangela Jubanski e Antônio Nascimento

bombeirosVizinhos tentaram ajudar, mas somente os bombeiros conseguiram salvá-la. Foto: AN/Banda B

A cadelinha Jolie sempre foi acostumada a atravessar as grades do portão de casa, no bairro Santa Quitéria, em Curitiba. Acontece que, à espera de cachorrinhos, ela tentou fazer o trajeto e ficou emperrada. A dona e moradora da casa Paula Cordeiro tentou tirá-la, empurrou, forçou, torceu e nada. Vizinhos se aglomeraram para a ajudar – mas, nada tirava Jolie das grades do portão. O Corpo de Bombeiros (CB) foi acionado.

bombeiros-1“Esses animais são tudo pra gente”, disse a dona. Foto: AN/Banda B

A casa fica na rua Joao Maria Ribas esquina com a Reinaldo Pazello. Desesperados, o último recurso foi pedir ajuda aos profissionais em salvar vidas. “Ela ficou entalada, presa na grade do portão. Tivemos que chamar o socorro porque tentamos e não conseguimos tirá-la daqui. Ela está prenha, cheia de filhotinha, então está mais gordinha, achou que passava, mas não deu”, descreveu.

Os bombeiros foram acionados por volta das 8 horas e a ação durou cerca de 5 minutos. Eles forçaram a grade e conseguiram desprender Jolie. “Graças a Deus, estou muito grata a eles. Esses animais são tudo pra gente”, finalizou.