A internet já faz parte da vida de praticamente toda a população, pois quer seja de forma indireta ou direta todos dependem das informações que estão disponibilizadas em bancos de dados.

Para aumentar sua segurança se faz necessário tomar alguns cuidados, e para auxiliar as pessoas que usam esporadicamente as redes sociais esses cuidados devem ser redobrados.

Um fato que ocorreu a alguns dias em nossa cidade, uma pessoa colocou seu apartamento a venda nas redes sociais e foi vitima de um assalto.

Para evitar que isso venha a ocorrer, alguns cuidados:

• De preferência coloque o imóvel a venda numa corretora, pois assim a mesma irá se responsabilizar pelas pessoas que levar até seu imóvel para visitá-lo.
• Caso queira vender pessoalmente sem intermediações, não receba pessoas que não tenham agendado a visita;
• E ao marcar a visita informe o pretenso comprador que para acessar ao edifício todos deverão se identificar e tirar uma fotografia para registro na portaria (tal informação irá minimizar muito o risco, pois ao saber que serão identificados, os marginais irão com certeza procurar outra vitima);
• Marque um horário em que não esteja sozinho/a no apartamento, pois isso também irá dificultar a ação das pessoas má intencionadas; Afinal de contas prevenir sempre é o melhor remédio. Tal comportamento também deve ser adotado para aumentar a sua segurança em qualquer tipo de transação.

Nas vendas de carros ou motos, o risco também é muito grande para quem quer fazer a venda direta, pois não há como saber quem estará indo para ver seu veículo ou moto, com um agravante, a maioria dos compradores querem experimentar o veículo, dar uma volta e ai é que está o perigo, pois podem acabar fugindo com seu patrimônio.

Outra ação que também pode gerar muito risco são as vendas de moveis e equipamentos através de sites tais como OLX, BOM NEGÓCIO, onde quem for vender também deve tomar as mesmas precauções.

São seu prédio não possua controle de acesso, o ideal é se encontrar na portaria, pedir um documento de identidade, fotografe o documento e a pessoa, e já mande as imagens para um arquivo, com essa ação, se a pessoa tiver alguma intenção, com certeza não irá concretizar o roubo, pois saberá que será identificado posteriormente.

Se tiver alguma dúvida ou alguma pergunta, mande para o meu e-mail[email protected]

* O Coronel Jorge Costa Filho é consultor em segurança. Formado em Administração de Empresas, tem doutorado em Segurança Pública. Profissional experiente, já comandou a Polícia Militar em Curitiba