A segurança Pública de nosso país e em particular a de nosso Estado passa por momentos de dificuldade, onde apesar das divulgações da diminuição dos índices de criminalidades, o que a população percebe é que o crime e a violência aumentam a cada dia e mais e mais vítimas morrem decorrente desse aumento.

Nem os policiais que representam a segurança e a tranquilidade para a população escapam dessa violência, em menos de um mês tivemos três policiais militares mortos, sendo um no cumprimento do dever durante uma ocorrência e outras duas em horários de folga, que ainda devem ser apuradas, mas que tem características de execução do crime organizado, já que foram mortos com menos de 5 minutos de diferença, e esse tipo de coincidência só ocorre em São Paulo onde o PCC atua com muita força.

Outra constatação de que nossa segurança está “ruim das pernas”, é quando a Secretaria de Segurança faz uma operação em grande escala e anuncia que foram expeditos aproximadamente 1.500 mandatos de prisão e que desses mais de 400 mandatos foram cumpridos dentro de presídios, ou seja, é uma vergonha os policiais terem que ir prender quem já está preso porque o estado não consegue controlar os mesmos.

Se não se consegue ter o controle de quem já está condenado e cumprindo pena atrás das grades, como é que fica o controle sobre quem está livre nas ruas e cometendo crimes?

Com certeza a resposta que todos deram foi NENHUMA e por isso algo tem que ser feito para revertermos esse quadro de insegurança onde o cidadão de bem tem que ficar preso em casa pois não pode andar com segurança e liberdade nas ruas, apesar dos impostos que paga e das leis que segue.

Não querendo radicalizar, mas sinto saudades do tempo que no Paraná o slogan que se falava da segurança era “AQUI NO PARANÁ BANDIDO NÃO SE CRIA”, não que isso signifique violência por parte da polícia, mas sim seriedade e comprometimento para com a população, tanto é que no Paraná nunca tivemos nenhum bandido famoso, pois antes dele ficar famoso era preso ou morto em confronto com a polícia.

E nunca esqueçam, PREVENIR é sempre a melhor opção.

Para ver outras matérias acesse www.coronelcosta.com.br